Notícia

Realidade virtual pode ajudar pacientes na reabilitação da fala

Resultados de estudo realizado na Austrália forneceram uma base para construir um projeto, desenvolvimento e implementação de um sistema de realidade virtual a ser usado na reabilitação de pessoas com distúrbios de comunicação adquiridos

Divulgação, Universidade de Queensland

Fonte

Universidade de Queensland

Data

terça-feira, 6 abril 2021 06:10

Áreas

Fonoaudiologia. Reabilitação.

A tecnologia de realidade virtual imersiva pode ajudar os fonoaudiólogos a tratar distúrbios de comunicação, de acordo com uma pesquisa da Universidade de Queensland, na Austrália.

A Dra. Atiyeh Vaezipour, do Centro de Pesquisas em Reabilitação da Universidade de Queensland, disse que os resultados forneceram uma base para construir um projeto, desenvolvimento e implementação de um sistema de realidade virtual a ser usado na reabilitação de pessoas com distúrbios de comunicação adquiridos: “Os distúrbios de comunicação podem resultar em barreiras significativas para as atividades da vida cotidiana e geralmente requerem reabilitação de longo prazo”, disse a especialista.

“Tradicionalmente, os fonoaudiólogos oferecem terapia em locais como hospitais e centros de saúde, onde as oportunidades de interação na vida real são limitadas. Os aplicativos de realidade virtual podem simular situações de comunicação social que são difíceis de criar dentro da clínica em ambientes realistas, pessoalmente relevantes e seguros.  A realidade virtual pode ser usada como uma ferramenta de reabilitação em ambientes de comunicação que imitam a riqueza, complexidade e dinâmica das situações cotidianas”, explicou a Dra. Atiyeh.

A pesquisadora entrevistou e pesquisou fonoaudiólogos após o uso de um ambiente de realidade virtual imersivo de uma cozinha. “Os participantes deste estudo foram positivos sobre a utilidade da realidade virtual e suas aplicações potenciais para o gerenciamento de distúrbios da comunicação dentro da patologia da fala. Os fonoaudiólogos consideraram a realidade virtual uma opção viável para a observação do desempenho da comunicação em ambientes mais realistas, fazendo a ponte entre a comunicação na clínica e a comunicação em ambientes externos onde as distrações estão presentes, como ruído de fundo ou complexidade visual. A realidade virtual pode fornecer contextos válidos para as pessoas praticarem suas habilidades de comunicação, construir confiança ao interagir com outras pessoas e generalizar suas habilidades de comunicação para vários ambientes”, destacou a Dra. Atiyeh Vaezipour.

A pesquisadora disse que um processo de design centrado no ser humano é fundamental no desenvolvimento de ferramentas de realidade virtual para uso na prática clínica: “Os aplicativos imersivos de realidade virtual exigirão recursos de personalização e adaptação que possibilitem a adequação às metas específicas e às necessidades físicas, cognitivas e de comunicação do paciente”, disse ela.

“A incorporação de fatores humanos desde os estágios iniciais do design e desenvolvimento pode permitir a adoção bem-sucedida de novas tecnologias em reabilitação. Mais pesquisas baseadas em evidências para apoiar o uso da realidade virtual imersiva no tratamento de distúrbios de comunicação neurogênicos em adultos são essenciais para melhorar a compreensão e o uso sustentado por fonoaudiólogos”, concluiu a especialista.

O estudo foi publicado na revista científica Disability and Rehabilitation.

Assista ao vídeo de apresentação do estudo (em inglês):

Acesse o artigo científico completo (em inglês).

Acesse a notícia completa na página da Universidade de Queensland (em inglês).

Fonte: Universidade de Queensland. Imagem: Divulgação, Universidade de Queensland.

Em suas publicações, o Portal Tech4Health da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Portal Tech4Health tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que cadastrados no Portal Tech4Health e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Portal Tech4Health, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2021 Portal Tech4Health | Portal de Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Saúde e Tecnologias da Rede T4H.

Entre em Contato

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account