Notícia

Auxílio natural e de baixo custo para parar de fumar é eficaz e precisa de acesso global mais amplo

Pela primeira vez em um estudo clínico, pesquisadores compararam o extrato de planta citisina a medicamento para parar de fumar

Pixabay

Fonte

UNSW | Universidade de Nova Gales do Sul

Data

segunda-feira, 12 julho 2021 06:30

Áreas

Saúde Pública.

A citisina é segura e eficaz para ajudar as pessoas a parar de fumar. Um novo estudo liderado pela Universidade de Nova Gales do Sul (UNSW), na Austrália, mostrou que os participantes a toleraram melhor do que um medicamento de primeira linha para parar de fumar.

Os resultados do maior estudo clínico até o momento que comparou a eficácia da citisina ao tratamento farmacoterápico mais eficaz, a vareniclina, pode levar a um acesso mais amplo à citisina para pessoas que fumam. Os resultados do estudo foram publicados na revista científica The Journal of the American Medical Association (JAMA).

“A citisina atua de forma semelhante à vareniclina e reduz o desejo de fumar e outros sintomas de abstinência da nicotina. Mas antes deste estudo, não sabíamos se [a citisina] não seria inferior à vareniclina em termos de efetividade na dosagem padrão”, disse o Dr. Ryan Courtney, autor principal do estudo.

O Dr. Courtney e uma equipe do Centro Nacional de Pesquisa de Drogas e Álcool (NDARC) da UNSW responderam a esta pergunta recrutando 1.452 adultos australianos para um estudo de não inferioridade. Nesse tipo de estudo clínico, os pesquisadores procuram estabelecer que um tipo de tratamento – neste caso, a citisina – “não é menos efetivo” do que o tratamento estabelecido, a vareniclina. Os participantes da pesquisa eram fumantes diários quando entraram no estudo e estavam dispostos a fazer uma tentativa de parar de fumar usando um dos medicamentos do estudo.

O estudo comparou a dosagem padrão de ambos os medicamentos – citisina por 25 dias e vareniclina por três meses – com participantes alocados aleatoriamente em um dos dois grupos de medicamentos e acompanhados por um período de estudo de sete meses. Os participantes que relataram abstinência contínua de seis meses de tabagismo por meio de entrevista por telefone em 7 meses de acompanhamento foram solicitados a completar um teste de monóxido de carbono (CO) para verificar o resultado primário da abstinência de fumar.

O estudo descobriu que 11,7% dos participantes do grupo da citisina permaneceram abstinentes de fumar tabaco por seis meses, enquanto 13,3% do grupo da vareniclina permaneceram abstinentes no mesmo período.

Menos eventos adversos, abstinência precoce

Os pesquisadores não conseguiram concluir a não inferioridade da citisina em comparação com a vareniclina. No entanto, eles estabeleceram outras descobertas importantes no contexto do curto período de dosagem padrão da citisina de 25 dias em comparação com o tratamento de três meses da vareniclina: eles descobriram que a citisina estava associada a menos efeitos colaterais do que a vareniclina.

O Dr. Courtney disse que as pessoas que fumam frequentemente param de usar medicamentos para parar de fumar por causa de efeitos colaterais, como náuseas. “Descobrimos que os eventos adversos para usuários de citisina ocorreram com menos frequência em comparação com a vareniclina, com os participantes relatando náuseas significativamente menos. Este é um resultado encorajador que pode fazer com que mais fumantes optem por essa opção de tratamento, pois sabemos que esses efeitos adversos costumam levar à suspensão do tratamento ”, disse o pesquisador.

As taxas de descontinuação do tratamento também melhoraram significativamente para os participantes que usaram citisina em comparação com a vareniclina. O Dr. Courtney disse: “No acompanhamento de quatro meses, a proporção de participantes que pararam de usar o tratamento por causa de um evento adverso foi muito menor para a citisina – 16,5% em comparação com 34,3% dos participantes alocados no grupo da vareniclina”.

Os pesquisadores também encontraram resultados promissores no final do período de tratamento com citisina – 42,5% dos participantes do grupo citisina pararam em ~ 4 semanas, em comparação com 32,3% no grupo da vareniclina.

“Um curto período de tratamento de 25 dias para a citisina em comparação com três meses para a vareniclina é um benefício adicional, mas estabelecer esse efeito do tratamento inicial tão cedo é muito promissor. Os resultados de estudos de dosagem estendidos podem até mostrar uma promessa maior para a eficácia clínica da citisina”, destacou o Dr. Courtney.

Acessível e eficaz – mas não amplamente disponível

Os pesquisadores disseram que o acesso mais amplo à citisina em todo o mundo continua sendo um problema. “A citisina é um medicamento de baixo custo mais eficaz do que o placebo e a terapia de reposição de nicotina. A maioria das pessoas que fumam vive em países de baixa e média renda. A citisina é uma forma potencial de tornar o tratamento do uso do tabaco acessível, barato e eficaz para governos e pessoas que fumam globalmente ”, disse o Dr. Courtney.

Diretor do NDARC, o professor Dr. Michael Farrell disse: “A citisina se apresenta como uma opção de tratamento barata para tantos países e pode ajudar a reduzir os danos relacionados ao tabaco”.

Embora a citisina não esteja atualmente licenciada para uso pela agência reguladora FDA, nos Estados Unidos, ou pela agência reguladora na Austrália, os resultados do estudo são de interesse significativo, pois uma investigação direta sobre a ação da citisina na dosagem padrão contra o tratamento farmacológico único mais eficaz era desconhecida, até agora.

“Aqui temos um tratamento de baixo custo que tem sido usado por mais de 50 anos em alguns países, eficaz para promover a cessação do tabagismo com um perfil de eventos adversos muito promissor encontrado neste estudo em comparação com um auxílio atualmente usado para a cessação do tabagismo”, concluiu o Dr. Ryan Courtney.

Acesse o artigo científico completo (em inglês).

Acesse a notícia completa na página da Universidade de Nova Gales do Sul (em inglês).

Fonte: Universidade de Nova Gales do Sul e NDARC Media. Imagem: Pixabay.

Em suas publicações, o Portal Tech4Health da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Portal Tech4Health tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que cadastrados no Portal Tech4Health e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Portal Tech4Health, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2021 Portal Tech4Health | Portal de Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Saúde e Tecnologias da Rede T4H.

Entre em Contato

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account