Notícia

Sistemas eletrônicos inovadores podem ampliar aplicações vestíveis

Nova plataforma eletrônica consiste em uma estrutura especial de gálio, hermeticamente encapsulada e selada em um material de silicone macio

Divulgação, KAIST

Fonte

Instituto Avançado de Ciência e Tecnologia da Coreia

Data

segunda-feira, 4 novembro 2019 11:45

Áreas

Bioeletrônica. Engenharia Biomédica.

Imagine um dispositivo eletrônico portátil que pode “amolecer” e se deformar quando conectado à nossa pele. Este poderá ser o futuro da bioeletrônica. Uma equipe de pesquisa do Instituto Avançado de Ciência e Tecnologia da Coreia (KAIST, da sigla em inglês) diz que sua nova plataforma chamada “Sistemas Eletrônicos Transformadores” iniciará uma nova classe de (bio)eletrônicos, permitindo que as interfaces eletrônicas reconfiguráveis ​​sejam otimizadas para uma variedade de aplicações.

A equipe de pesquisa do professor Dr. Jae-Woong Jeongda Escola de Engenharia Elétrica do KAIST, inventou uma plataforma eletrônica multifuncional que pode transformar mecanicamente sua forma e flexibilidade. Essa plataforma, relatada na revista científica Science Advances, permite que os usuários ajustem sua rigidez e forma de maneira perfeita e precisa. “Essa nova classe de eletrônicos não oferece apenas interfaces robustas e convenientes para uso em configurações de mesa ou de mão, mas também permite uma integração perfeita com a pele quando aplicada em nossos corpos”, disse o professor Jeong.

A “eletrônica transformadora” consiste em uma estrutura especial de gálio, hermeticamente encapsulada e selada em um material de silicone macio, combinado com a eletrônica projetada para ser flexível e extensível. A transformação mecânica dos sistemas eletrônicos é desencadeada especificamente por eventos de mudança de temperatura controlados pelo usuário. “O gálio é um material chave interessante. É biocompatível, possui alta rigidez na forma sólida e derrete a uma temperatura comparável à da pele”, disse o principal autor do estudo, Dr. Sang-Hyuk Byun, pesquisador do KAIST.

Uma vez que a plataforma eletrônica entra em contato com o corpo humano, o gálio encapsulado dentro do silicone muda para um estado líquido e suaviza toda a estrutura eletrônica, tornando-a elástica, flexível e vestível. O gálio solidifica novamente quando a estrutura é removida da pele, tornando os circuitos eletrônicos rígidos e estáveis. Quando os circuitos eletrônicos flexíveis foram integrados a essa plataforma, adquiriram a capacidade de se tornarem flexíveis, elásticos ou rígidos.

“Essa tecnologia não poderia ser alcançada sem esforços interdisciplinares”, disse o co-autor principal Dr. Joo Yong Sim. “Trabalhamos em conjunto com engenheiros eletricistas, mecânicos e biomédicos, além de cientistas de materiais e neurocientistas para fazer essa descoberta”.

Essa plataforma eletrônica universal permitiu que os pesquisadores demonstrassem aplicações altamente adaptáveis ​​e personalizáveis, como uma eletrônica pessoal multifuncional com rigidez e elasticidade variáveis, um sensor de pressão com largura de banda e sensibilidade ajustáveis ​​e uma sonda neural que amolece após a implantação no tecido cerebral.

Aplicável às tecnologias eletrônicas tradicionais e emergentes, essa inovação pode potencialmente remodelar a indústria de eletrônicos de consumo, especialmente nas áreas biomédica e robótica. Os pesquisadores acreditam que, com mais desenvolvimento, essa nova tecnologia eletrônica pode impactar significativamente a maneira como usamos a eletrônica em nossa vida diária.

Assista ao vídeo de apresentação do projeto:

Acesse o artigo científico completo (em inglês).

Acesse a notícia completa na página do KAIST (em inglês).

Fonte: Instituto Avançado de Ciência e Tecnologia da Coreia (KAIST). Imagem: Divulgação, KAIST.

Em suas publicações, o Portal Tech4Health da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Portal Tech4Health tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que cadastrados no Portal Tech4Health e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Portal Tech4Health, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

Entre em Contato

Enviando

2019 Portal Tech4Health | Portal de Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Saúde e Tecnologias da Rede T4H.

ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account