Notícia

Pesquisadores publicam guia de orientações para o tromboembolismo venoso em pacientes com COVID-19

Guia aborda, a partir da realidade brasileira de atendimento de saúde, temas técnicos como coagulação intravascular disseminada na COVID-19

Pixabay

Fonte

Unicamp | Universidade Estadual de Campinas

Data

quinta-feira, 30 julho 2020 11:25

Áreas

Hematologia. Medicina. Medicina Intensiva. Saúde Pública.

Pacientes com COVID-19 podem sofrer alterações no padrão de coagulação sanguínea e, a partir disso, desenvolver tromboses arteriais e venosas e embolia pulmonar. Diante dessa constatação, pesquisadores da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (FCM-Unicamp) e de outras 19 instituições de pesquisa – membros da Sociedade Brasileira de Trombose e Hemostasia (SBTH) e do da Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular  (ABHH) – publicaram um guia de orientações para a prevenção, detecção e tratamento do tromboembolismo venoso em pacientes com COVID-19.

Além da Unicamp, participaram da publicação profissionais do AC Camargo Cancer Center (SP), Hospital 9 de Julho (SP), Hospital Moinhos de Vento (RS), Hospital Israelita Albert Einstein (SP), Instituto de Hematologia, Hemostasia e Trombose (IHHT-SP), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ-RJ), Barra D’Or Hospital (RJ), Santa Casa de São Paulo e Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP-SP), Hospital São Luiz Jabaquara (SB), Universidade Federal da Bahia (UFBA-BA), Hospital Christóvão da Gama (SP), Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP-SP), Centro de Hematologia de São Paulo (CHSP-SP) e Centro Médico da Universidade Loyola em Maywood (Estados Unidos).

A publicação, veiculada na revista científica Hematolology Transfusion and Cell Therapy, da ABHH, apresenta uma revisão de evidências médicas recentes sobre as tromboses verificadas em pacientes com COVID-19. O objetivo do material é servir de guia de orientação aos profissionais de saúde que atuam no enfrentamento doença no Brasil.

De acordo com a professora do Departamento de Patologia Clínica da FCM-Unicamp, Dra. Fernanda Orsi – que na faculdade trabalhou na elaboração do guia em conjunto com os professores do Departamento de Clínica Médica, Dra. Joyce Annichino-Bizzacchi e Dr. Erich Vinícius de Paula – a prevenção da trombose é parte essencial no tratamento dos pacientes contaminados.

“As evidências mostram que, paralelamente ao quadro de síndrome respiratória aguda grave, os pacientes com COVID-19 apresentam sinais de hipercoagulabilidade e maior risco de eventos tromboembólicos arteriais e venosos, e que esses eventos também estão associados à maior mortalidade”, explicou a pesquisadora.

Dentre os principais sintomas da trombose venosa estão: dor, inchaço, alteração da coloração da pele, dificuldade de movimentação e enrijecimento da musculatura em apenas uma das extremidades do corpo. A embolia pulmonar (quadro grave da trombose) é caracterizada por dor torácica, falta de ar e respiração acelerada.

Tendo por base tais achados clínicos, o guia aborda, a partir da realidade brasileira de atendimento de saúde, temas técnicos como coagulação intravascular disseminada (CIVD) na COVID-19, monitoramento da coagulopatia, avaliação sistemática, profilaxia, diagnóstico e tratamento do tromboembolismo venoso e manejo de pacientes em uso de anticoagulantes orais.

“As orientações contidas no documento baseiam-se em literatura internacional e foram adaptadas à situação local do Brasil”, destacou a Dra. Fernanda.

Acesse a publicação científica (em inglês).

Acesse a notícia na página da Unicamp.

Fonte: Camila Delmondes, Unicamp. Imagem: Pixabay.

Em suas publicações, o Portal Tech4Health da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Portal Tech4Health tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que cadastrados no Portal Tech4Health e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Portal Tech4Health, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2020 Portal Tech4Health | Portal de Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Saúde e Tecnologias da Rede T4H.

Entre em Contato

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account