Notícia

Pesquisadores avançam na detecção do Transtorno do Desenvolvimento da Coordenação no ambiente escolar

Pesquisa validou um instrumento de baixo custo para triagem do desempenho motor de crianças em idade escolar para auxiliar na detecção do TDC no ambiente de escolas públicas

Aaron Burden via Unsplash

Fonte

UEG | Universidade Estadual de Goiás

Data

sexta-feira, 2 outubro 2020 06:45

Áreas

Fisioterapia. Reabilitação.

Coordenada pela professora Dra. Cibelle Kayenne Martins Formiga, da  Universidade Estadual de Goiás (UEG), uma pesquisa que auxilia na detecção do Transtorno do Desenvolvimento da Coordenação (TDC) foi finalizada em abril deste ano, depois de dois anos.

A pesquisa validou um instrumento de baixo custo para triagem do desempenho motor de crianças em idade escolar para auxiliar na detecção do TDC no ambiente de escolas públicas.

Segundo a professora Cibelle, ao realizar a pesquisa foram considerados itens como coordenação motora, desempenho funcional, equilíbrio, habilidades motoras, composição corporal, imagem corporal, qualidade de vida, flexibilidade, entre outras variáveis. Ao final das avaliações foi realizada a entrega dos relatórios dos resultados das avaliações para os pais e para as escolas. Nessa etapa dos trabalhos de pesquisa, foi ministrada uma palestra em cada escola participante com orientações para identificação de problemas na coordenação motora e formas de estimulação da coordenação e desenvolvimento infantil. Foi preparado e entregue um folheto informativo com dicas e sugestões de atividades para serem realizadas em casa com a criança.

Os pais das crianças que apresentaram dificuldades na coordenação foram orientados para melhor estimular seus filhos. “O envolvimento entre família e escola é um forte aliado na prevenção de problemas no desenvolvimento das crianças”, ressaltou a Dra. Cibelle Formiga. As crianças que participaram da pesquisa tiveram a autorização dos responsáveis por meio da assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido, conforme solicitação do Comitê de Ética.

Para ser realizada, a pesquisa contou com fomento do Governo de Goiás, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (FAPEG), no âmbito do Programa Pesquisa para o SUS (PPSUS). Além do fomento por meio do edital do PPSUS/2017 no valor de R$ 50 mil, o projeto contou com apoio financeiro da FAPEG e da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) na concessão de bolsas de mestrado e doutorado dentro do projeto.

“O curso de Fisioterapia da UEG tem grande potencial de pesquisa e produção científica. Por meio da parceria entre Universidade e FAPEG é possível colocar em prática os nossos projetos a serviço da sociedade e produzir ciência de qualidade. O apoio da FAPEG foi fundamental para a execução da pesquisa”, destacou a professora Cibelle Formiga.

TDC

A criança com o Transtorno do Desenvolvimento da Coordenação (TDC) apresenta dificuldades motoras que ocorrem na ausência de diagnósticos físicos ou neurológicos conhecidos. Segundo a professora Cibelle, em geral, os principais sinais são lentidão e imprecisão dos movimentos e esse atraso motor pode levar a criança a ser rotulada como preguiçosa, descoordenada, desmotivada, desajeitada e, além de problemas de aprendizagem, ela pode desenvolver complicações no campo social, emocional e comportamental, ficando mais suscetível a sintomas de depressão, isolamento social, de fracasso e frustração na adolescência e fase adulta. “Quanto mais precocemente o problema for identificado, menor será o impacto na vida dessas crianças”, concluiu a professora e pesquisadora.

Acesse a notícia completa na página da UEG.

Fonte: Comunicação Setorial UEG, com informações da FAPEG. Imagem: Aaron Burden via Unsplash.

Em suas publicações, o Portal Tech4Health da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Portal Tech4Health tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que cadastrados no Portal Tech4Health e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Portal Tech4Health, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2020 Portal Tech4Health | Portal de Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Saúde e Tecnologias da Rede T4H.

Entre em Contato

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account