Notícia

Osteoporose em homens pode estar sendo negligenciada por médicos e pacientes

Pesquisadores sugerem que homens mais idosos sejam avaliados regularmente para a condição, especialmente aqueles que já fraturaram algum osso anteriormente

Victor93aquino via Wikimedia Commons

Fonte

Universidade de Sheffield

Data

terça-feira, 3 maio 2022 19:50

Áreas

Diagnóstico. Fisiatria. Medicina. Metabolismo. Ortopedia. Saúde Pública.

Segundo estudo da Universidade de Sheffield, no Reino Unido, publicado na revista científica The Lancet Diabetes and Endocrinology, a osteoporose nos homens pode estar sendo muitas vezes negligenciada pelos profissionais de saúde. Os pesquisadores dizem que aumentar a conscientização sobre a possibilidade de osteoporose nos homens é criticamente necessário para ajudar a melhorar os resultados para os pacientes.

A osteoporose é uma condição em que os ossos enfraquecem gradualmente – uma parte normal do processo de envelhecimento, mas algumas pessoas perdem a densidade óssea muito mais rapidamente do que outras, tornando seus ossos mais frágeis e correndo o risco de precisar de tratamento hospitalar para fraturas.

As mulheres geralmente correm maior risco de desenvolver a doença, pois sua densidade óssea diminui mais rapidamente do que a dos homens em idade precoce, especialmente após a menopausa. Na maioria das populações, os homens têm ossos e superfícies articulares maiores e mais fortes, de modo que o diagnóstico da condição pode ser negligenciado.

Pesquisadores da Universidade de Sheffield revisaram os dados disponíveis sobre a osteoporose em homens, descobrindo que eles geralmente são diagnosticados mais tarde, aderem menos ao tratamento e chegam ao hospital em idades mais avançadas do que as mulheres. Neste cenário, as taxas de letalidade de internações com fraturas por fragilidade, como fraturas de quadril, são maiores do que para as mulheres.

A Dra. Tatiane Silva Vilaça, primeira autora do estudo, médica formada pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), mestre em Medicina Translacional pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e pesquisadora de pós-doutorado do Departamento de Oncologia e Metabolismo da Universidade de Sheffield, explicou: “Geralmente, o diagnóstico de osteoporose acontece quando um paciente chega ao hospital com algum tipo de fratura por fragilidade em idade avançada, por exemplo, queda da própria altura com fratura de quadril, pulso ou coluna. Pesquisas sugerem que os homens hospitalizados com fraturas de quadril tendem a ser mais velhos do que as mulheres, o que pode ser porque a condição se desenvolve mais lentamente nos homens. Como as pessoas mais velhas geralmente são um pouco mais frágeis, com piores estados de saúde geral, isso pode explicar os níveis ligeiramente mais altos de incapacidade e mortalidade associados a homens com osteoporose que são hospitalizados após uma fratura”.

O tratamento para a osteoporose é baseado na prevenção de fraturas por meio de dieta, exercícios e mudanças no estilo de vida, além de medicamentos para fortalecimento dos ossos.

A revisão constatou que, embora haja uma falta de pesquisas sobre quais opções de tratamento são mais eficazes em homens, as opções de diagnóstico e tratamento são eficazes.

A equipe acredita que mais pesquisas especificamente adaptadas à osteoporose em pacientes do sexo masculino ajudarão a melhorar os sistemas de diagnóstico atuais, ajudando os médicos com o diagnóstico precoce, e o foco na educação dos pacientes apoiará a adesão aos programas de tratamento medicamentoso, melhorando os resultados para homens que vivem com osteoporose.

Acesse o resumo do artigo científico (em inglês).

Acesse a notícia completa na página da Universidade de Sheffield (em inglês).

Fonte: Rebecca Ferguson, Universidade de Sheffield. Imagem: Victor93aquino via Wikimedia Commons.

Em suas publicações, o Portal Tech4Health da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Portal Tech4Health tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que cadastrados no Portal Tech4Health e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Portal Tech4Health, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2022 tech4health t4h | Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Saúde e Tecnologias

Entre em Contato

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account