Notícia

Estudo australiano propõe pacote de limpeza hospitalar e diminui infecções

Projeto pode ser o maior estudo prospectivo, multi-local e multifatorial de limpeza hospitalar no mundo

Divulgação

Fonte

Universidade de Tecnologia de Queensland

Data

segunda-feira, 11 março 2019 10:00

Áreas

Engenharia Clínica. Engenharia Hospitalar. Gestão Hospitalar. Infectologia.

Um estudo nacional realizado na Austrália sobre as práticas de limpeza hospitalar em 11 hospitais fez reduções significativas nas infecções associadas aos cuidados de saúde e demonstrou custos e benefícios. O estudo, randomizado e multicêntrico, foi liderado pelo Dr. Nick Graves, do Instituto de Saúde e Inovação Biomédica (IHBI) da Universidade de Tecnologia de Queensland, e teve os resultados publicados na revista científica The Lancet Infectious Diseases.

“Acredita-se que este projeto de pesquisa possa ser o maior estudo prospectivo, multi-local e multifatorial de limpeza hospitalar no mundo”, disse o professor Graves. “Seu objetivo principal era investigar se uma mudança nas práticas de limpeza seria eficaz na redução das 165.000 infecções associadas aos cuidados de saúde na Austrália a cada ano.” O professor Graves disse que o projeto REACH (da sigla em inglês: Pesquisando Abordagens Efetivas para a Limpeza de Hospitais) introduziu um conjunto de iniciativas de limpeza, adaptadas a cada hospital no estudo, para melhorar a rotina e a limpeza do quarto hospitalar.

A promoção em todo o hospital da importância da limpeza na redução de infecções foi realizada para apoiar uma mudança cultural no perfil da equipe de serviços, disse o professor Graves. “A limpeza foi auditada usando a tecnologia de marcadores fluorescentes. Esse sistema usava pontos de gel, invisíveis a olho nu, aplicados em superfícies. Os pontos resistem à abrasão seca e são removidos apenas por uma técnica de limpeza completa ”, disse ele.

“Os hospitais do estudo melhoraram suas práticas de limpeza de 55 para 76% nas áreas de banheiros e de 64% para 86% nas áreas dos quartos.  “Isso resultou em uma redução de 37% nas principais infecções associadas aos cuidados com a saúde, nos enterococos resistentes à vancomicina (VRE) e em 5,8% nos três tipos de infecções. Em contraste com pesquisas anteriores, o desenvolvimento do pacote de limpeza priorizava estratégias baseadas em evidências que eram fáceis de implementar e de menor custo, em detrimento de tecnologias caras mais recentes.”, explica o pesquisador.

“No geral, o pacote de limpeza custa aproximadamente US $ 2.500 por 10.000 dias de cama para ser implementado nos hospitais participantes”, aponta o Dr. Nick.

O pacote de limpeza REACH foi bem sucedido em melhorar a eficácia da limpeza e mostrou grande promessa na redução de infecções por enterococos resistentes à vancomicina. Também demonstrou economia de custos e aumento dos benefícios à saúde causados ​​por infecções evitáveis.

A intervenção é amplamente aplicável à limpeza em qualquer hospital, durante todo o período de atendimento. A publicação futura dos resultados econômicos do estudo fornecerá informações valiosas para os tomadores de decisão sobre o potencial de investimento em futuras iniciativas de limpeza hospitalar.

Acesse o resumo do artigo científico (em inglês).

Acesse a notícia completa na página da Universidade de Tecnologia de Queensland (em inglês).

Fonte: Universidade de Tecnologia de Queensland. Imagem: Divulgação.

 

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que cadastrados no Portal Tech4Health e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Portal Tech4Health, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

Entre em Contato

Enviando

2019 Portal Tech4Health | Portal de Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Saúde e Tecnologias da Rede T4H.

ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account