SC contabiliza mais de 10 milhões de exames de telemedicina com uso de sistema desenvolvido na UFSC

Destaque

SC contabiliza mais de 10 milhões de exames de telemedicina com uso de sistema desenvolvido na UFSC

Fonte

UFSC | Universidade Federal de Santa Catarina

Data

sábado. 27 novembro 2021 10:55

Santa Catarina já realizou mais de 10 milhões de exames a distância com uso de tecnologia de telemedicina desenvolvida pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde. Os exames são realizados através da plataforma do Sistema Catarinense Integrado de Telemedicina e Telessaúde (STT/SC) e estão disponíveis para todos os municípios catarinenses. Profissionais de saúde e usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) têm acesso a exames de forma segura, mais rápida e sem precisar de deslocamentos para outras cidades ou regiões.

Os serviços de telemedicina e telessaúde começaram a ser ofertados no estado em 2005 por meio da parceria entre a UFSC, por meio do Instituto Nacional para Convergência Digital (INCoD), e a Secretaria de Estado da Saúde. Em 2011, Santa Catarina alcançou a marca de 1 milhão de exames a distância e agora, em outubro de 2021, atingiu a marca de 10 milhões de exames. “Este é um feito fantástico: demonstra que a pesquisa na UFSC pode produzir tecnologia de grande impacto social e que pode ser levada até a população de forma consistente e duradoura através de um projeto da UFSC com o Governo do Estado que já dura mais de 16 anos e que está cada vez mais revolucionando a saúde em Santa Catarina e se tornou referência nacional, passando a ser utilizada em muitos outros locais no Brasil”, explicou o Dr. Aldo von Wangenheim, que é professor, pesquisador e coordenador do INCoD/UFSC.

Atualmente, o STT/SC agrega diversos serviços e ferramentas que podem ser usadas em unidades básicas de saúde até hospitais de alta complexidade. Telediagnóstico, teleconsulta, teleconsultoria e educação permanente em saúde são alguns serviços disponíveis e em uso no estado. “Esta experiência pioneira de Santa Catarina é de longe a iniciativa de telemedicina de maior importância e abrangência de todo o hemisfério sul. Em nenhum outro lugar, seja no Brasil ou em outro país do lado de baixo do mundo, temos algo comparável em cobertura, abrangência e diversidade de serviços, nível tecnológico e impacto no dia a dia da população e no trabalho dos profissionais de saúde”, acrescentou o Dr. Aldo von Wangenheim.

Acesse a notícia completa na página da UFSC.

Fonte: UFSC.

Em suas publicações, o Portal Tech4Health da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Portal Tech4Health tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que cadastrados no Portal Tech4Health e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Portal Tech4Health, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2022 tech4health t4h | Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Saúde e Tecnologias

Entre em Contato

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account