Destaque

Equipamento para radioterapia no Complexo do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná em Curitiba (PR) traz ganhos para áreas assistencial e de ensino

Fonte

Ebserh | Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares

Data

segunda-feira. 20 maio 2024 15:15

O Complexo do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná (CHC-UFPR), vinculado à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), iniciou no mês passado um serviço de radioterapia destinado a pacientes oncológicos, com a instalação de um acelerador linear.

A instalação do acelerador linear é o resultado de uma série de gestões feitas pelos profissionais do hospital, que incluíram o HC no Plano de Expansão da Radioterapia (PER-SUS), do Ministério da Saúde, que doou o equipamento avaliado em R$ 3,5 milhões. Com investimento próprio de R$ 1,3 milhão, o Complexo realizou reformas na área onde funciona o novo serviço, que entrou em funcionamento com a autorização da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN).

A Dra. Claudete Reggiani, Superintendente do CHC-UFPR, destacou a importância do novo Serviço: “É mais um passo importante do Complexo em prol da qualidade do ensino e da assistência. Os pacientes passam a contar com toda a linha de tratamento oncológico: cirurgia, quimioterapia e radioterapia, com um equipamento de ponta. E os estudantes terão contato com a alta tecnologia e mais uma linha de tratamento da doença.

Os aceleradores lineares são equipamentos de alta tecnologia emissores de radiação ionizante que permite atacar o DNA, direta ou indiretamente, e ocasionar então a morte das células cancerosas. Luiz Renato Carazzai, Gerente de Atenção à Saúde do Complexo, ressaltou que em combinação com outros tratamentos como cirurgia e quimioterapia, a radioterapia maximiza a eficácia do tratamento e permite que o CHC-UFPR se torne um Centro de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (Cacon), oferecendo aos pacientes a linha completa de atendimento oncológico.

Jane Teresinha Stival, Chefe da Divisão da Gestão do Cuidado do CHC-UFPR, destacou ainda a importância do Serviço em relação à qualidade da equipe: “além de toda a estrutura física, o paciente contará com profissionais altamente capacitados, ampliando ainda o acesso dos pacientes a tratamentos essenciais e a integração do Complexo com a Rede de Atenção à Saúde”.

Samir Kanaan Nabhan, chefe da Unidade de Hematologia e Hemoterapia do CHC-UFPR, disse que as atividades com o acelerador começaram há quatro semanas e apontou os principais impactos para o seu setor. “O HC tem um serviço importante de transplante de medula óssea e os pacientes precisam fazer um procedimento chamado irradiação corporal total. Com o aparelho dentro da instituição, conseguimos oferecer este serviço para nossos pacientes, sem necessidade de deslocamento de ambulância para outras instituições da cidade”, explicou. Segundo ele, numa segunda fase, o equipamento será usado por pacientes com outros tipos de tumores.

Gabriela Scalco Munro, médica rádio-oncologista, explicou que, em conjunto com a quimioterapia e a cirurgia, a radioterapia faz parte do tratamento necessário a pelo menos metade dos pacientes oncológicos. Segundo ela, atualmente o serviço tem capacidade para atender 60 pacientes por dia. “O objetivo do uso da radiação é causar danos às células tumorais, em especial ao seu DNA, para que elas não sejam mais capazes de se multiplicarem e assim sejam encaminhadas para o processo de morte celular”, explicou a especialista.

Esse modelo de tratamento é aplicável em diversos tipos de tumores e pode ser usado juntamente à quimioterapia, proporcionando um efeito ainda mais eficaz, dependendo é claro, da gravidade da doença. Vale lembrar que o tratamento feito por radioterapia ou radiocirurgia age diretamente no tumor sem precisar de cortes.

Acesse a notícia completa na página da Ebserh.

Fonte: Sinval Paulino e Danielle Campos, Coordenadoria de Comunicação Social da Ebserh.

Em suas publicações, o Portal Tech4Health da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Portal Tech4Health tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que cadastrados no Portal Tech4Health e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Portal Tech4Health, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2024 tech4health t4h | Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Saúde e Tecnologias

Entre em Contato

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account