Engenharia Biomédica

Alterar o tamanho da letra
A- | A+

Informações
Última Atualização: 5 de outubro de 2015


Nível
Superior Bacharelado

Atividade profissional e campo de atuação


O Bacharel em Engenharia Biomédica ou Engenheiro Biomédico é um profissional de formação generalista, que combina conhecimentos de engenharia aplicados às necessidades médicas e aos sistemas de saúde, a fim de disponibilizar novas técnicas, instrumentos, equipamentos ou serviços com vistas à melhoria da saúde das pessoas. O profissional deve possuir habilidades, competências e afinidades com os problemas envolvidos nos cuidados à saúde, a partir da integração de conhecimentos em matemática, ciência e engenharia. Projeta e conduz experimentos, bem como analisa e interpreta dados biomédicos. Planeja, desenvolve, projeta, instala, opera e mantém produtos, sistemas, equipamentos, dispositivos, instrumentos e instalações odonto-médico-hospitalares. Desenvolve sistemas de informática aplicados à área da saúde. Desenvolve e analisa modelos matemáticos para as diversas áreas da saúde. Propõe, desenvolve e otimiza métodos, sistemas, algoritmos, modelos e produtos para as áreas de imagens médicas, sinais biomédicos, eletrônica médica, biomecânica e biomateriais e engenharia de reabilitação. Propõe, desenvolve e implementa projetos de engenharia clínica. Realiza medidas e interpreta dados em sistemas vivos, principalmente considerando sua interação com materiais artificiais. Coordena e supervisiona equipes de trabalho multidisciplinares. Realiza estudos de viabilidade técnico-econômica, executa e fiscaliza obras e serviços técnicos. Efetua vistorias, perícias e avaliações, emitindo laudos e pareceres. Em suas atividades, considera a ética e a bioética, a segurança, a legislação e os impactos ambientais.

O Engenheiro Biomédico é habilitado para trabalhar em hospitais e clínicas, no mercado industrial e de tecnologia; na fabricação, aplicação e manutenção de máquinas, dispositivos, equipamentos, instrumentos e sistemas para a áreas da saúde; no desenvolvimento de softwares específicos; no planejamento e gestão da tecnologia clínica e hospitalar; na pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias; na elaboração e aplicação de políticas públicas e de interesse social na área da saúde; no ensino e pesquisa científica.

Fonte:
Referencial Nacional do Curso de Engenharia Biomédica.

Mercado de trabalho


As expectativas para o engenheiro biomédico são positivas, ainda que seja um profissional novo no mercado de trabalho brasileiro. Nos hospitais de ponta, há uma grande quantidade de equipamentos e materiais que precisam de manutenção, e faltam profissionais habilitados para esta tarefa.Nos hospitais e clínicas, ele também atua na manutenção dos equipamentos médicos. Vale destacar também que há um projeto em estudo na Câmara, no qual o governo demandará que hospitais a partir de 100 leitos tenham um engenheiro clínico, especialista na gestão de tecnologias médico-assistenciais. O setor industrial contrata esse engenheiro para desenvolver produtos destinados à área médica. São Paulo, Minas Gerais e Pernambuco são os estados brasileiros que mais têm aberto postos de trabalho para esse profissional.

No Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (CONFEA), existem apenas 181 engenheiros biomédicos cadastrados. Pelos números ainda reduzidos, é difícil estimar o salário médio no país, mas pode-se dizer que o salário inicial é superior a R$ 3.000,00.

Características do curso


Carga horária mínima:
3.600 h
Duração mínima:
5 anos
Infraestrutura recomendada:
- Laboratório de Física e Biofísica
- Laboratório de Circuitos Elétricos e Eletrônicos
- Laboratório de Anatomia e Fisiologia
- Laboratório de Biomateriais
- Laboratório de Reabilitação
- Laboratório de Processamento de Imagens e Sinais
- Laboratório de Processos de Fabricação
- Laboratório de Informática com programas específicos
- Laboratório de Química e Bioquímica
- Laboratório de Mecânica dos Biofluidos
- Laboratório de CAD
- Laboratório de Ensaios Mecânicos e Eletromagnéticos
Fonte:
Referencial Nacional do Curso de Engenharia Biomédica.

Links relacionados


Documentos importantes


O que dizem os profissionais


Fonte: Biomedicina SP: Engenharia Biomédica

Fonte: Inatel - Engenharia Biomédica

Fonte: UFPE - Falando de Ciência e Tecnologia: Engenharia Biomédica

Fonte: PUC-SP - Desafio Profissão: Engenharia Biomédica